Brahma, a número 1!

15 nov

Vocês votaram e aqui está a vencedora: Brahma, literalmente e por ironia do destino, a número 1!

Um gole de história

Tudo começou quando seu criador, o engenheiro suíço Joseph Villiger chegou ao Brasil e sentindo falta das cervejas européias, resolveu criar em sua casa sua própria cerveja.

Primeiro começou servindo os amigos, agradando vários paladares até ficar famosa. Em 1888, foi inaugurada a Manufactura de Cerveja Brahma Villiger & Companhia, no Rio de Janeiro. A produção era de 12mil litros de cerveja diáriamente e contava com 32 funcionários.

No dia 6 de setembro daquele mesmo ano, Villiger registra a marca Brahma.

Primeiro rótulo da Brahma

A marca

Há três versões da criação do nome Brahma: a atração do Villiger pela cultura indiana, a admiração pelo compositor Johannes Brahms e uma homenagem ao inventor da válvula de chopp, o inglês Joseph Brahma.

A cerveja BRAHMA é a segunda marca mais vendida e consumida do Brasil (5ª no mundo), chegando a estar disponível em mais de 1 milhão de pontos de venda no país inteiro. É a marca internacional da Ambev, estando presente em mais de 15 países, entre eles Rússia, quinto maior volume de vendas da marca no mundo (depois de Brasil e América Latina), Estados Unidos, Canadá, Bélgica, França, Inglaterra, Irlanda, Ucrânia, Itália, Espanha, Suécia, Austrália, Nova Zelândia, China e Holanda. Atualmente, o CHOPP BRAHMA é líder de mercado em mais de 90% das cidades brasileiras, estando presente em mais de 700 bares de 75 cidades.

O logo da BRAHMA passou por algumas mudanças com o passar dos anos. A última delas aconteceu este ano, quando a marca apresentou também uma nova embalagem na cor vermelha. Veja mais detalhes aqui.

 

A evolução da marca

 

 

A comunicação

Conhecida como uma comunicação sempre criativa, ousada e agressiva, a Brahma sempre teve ações de marketing únicas.

Quem não se lembra do siri da Brahma e logo em seguida da Tartaruguinha da Copa de 2002, que atire o primeiro choop!

Comerciais do Siri da Brahma (2001)

Comerciais da Tartaruga da Brahma (Copa de 2002)

ps: alguém reparou que uma das moças que pegam carona é a Alinne Moraes?

A BRAHMA, em 2002, foi escolhida pela Ambev como cerveja oficial da Copa do Mundo de futebol. Comprou a cota de patrocínio da Rede Globo e criou a mascote oficial.

Logo depois disso, a CONAR proibiu que as campanhas de cerveja e demais bebidas alcoólicas tivessem animais como mascote, pois atraía a atenção das crianças!

Mas em 2004 que o bicho pegou.  Seu Brahmeiro oficial, o Zeca Pagodinho, aparece em um comercial da Nova Schin, que o deixou uma certa dúvida no ar. Duas semanas depois (se eu não me engano), o pagodeiro aparece em outro comercial, dessa vez da Brahma, se declarando ao seu amor verdadeiro e que o outro, a Nova Schin, foi um amor de verão, causando o maior furdúncio no meio publicitário brasileiro! Na época, a Brahma, o Zeca e Nizan Guanaes da agencia África, foram muito questionados, por uma questão de ética.

 

Até hoje o pagodeiro é o garoto-propaganda de várias campanhas da cerveja

 

 

Em 2008, a cerveja comemora seus 120 anos e lança uma coleção com 12 latinhas mostrando desde seu primeiro rótulo até os dias de hoje. (a minha coleção está incompleta, com 4 latinhas apenas, aceito doações #migué)

Edição limitada comemorando os 120 anos da Brahma

Atualmente está circulando um comercial onde mistura Brahma com a outra paixão nacional, o futebol e com a paticipação de seu garoto-propaganda.

 

Linha do tempo

Veja o que aconteceu desde 1888 até os dias de hoje.

1894 – a cervejaria foi vendida para a empresa George Maschke e Cia, que tratou de modernizar e ampliar o negócio

1914 – Registrada a marca MALZBIER BRAHMA

1934 – em pleno carnaval, o chope da BRAHMA foi engarrafado e passou a se chamar oficialmente BRAHMA CHOPP

1943 – Lançamento da BRAHMA EXTRA

1965 – iniciam-se os trabalhos das primeiras revendas exclusivas BRAHMA

1978 – lançamento da cerveja em garrafa de vidro personalizada na cor âmbar (antes a cerveja era engarrafada em vasilhames de qualquer cor)

1986 – a cerveja BRAHMA foi lançada, em lata, na cidade de Tóquio no Japão.

1989 – Lançamento da cerveja BRAHMA em latas de alumínio.

1993 – Lançamento da BRAHMA em embalagem long neck e da tampa twist, que dispensava o uso do abridor.

1993 – BRAHMA inaugurou sua primeira fábrica fora do território brasileiro, localizada na Argentina

1995 – Lançamento da BRAHMA BOCK, para ser consumida somente no período de inverno.

1996 –  Lançamento da cerveja MALZBIER em embalagem long neck.

1998 – Lançamento da cerveja BRAHMA EXTRA em embalagem long neck de 355 ml.

1998 – a BRAHMA CHOPP passou a ser exportada para a Europa

1999 – Em comemoração à chegada do novo milênio, a BRAHMA CHOPP é lançada em embalagem comemorativa que lembrava as garrafas de champanhe. (eu estou em dúvida se foi neste ano mesmo pois essa lembrança está muito fresca em minha memória)

1999 – a BRAHMA passou a fazer parte da Companhia de Bebidas das Américas (AmBev), resultado da fusão entre as cervejarias BRAHMA e Antarctica

2000 – Lançamento das embalagens termossensíveis, que indicavam se a cerveja estava gelada no ponto certo para o consumo.

2002 – Lançamento do BRAHMA CHOPP EXPRESS, um serviço de entrega em domicílio da bebida (barril de 12.5 litros) e do equipamento. (em breve, um post sobre)

2003 – Relançamento da BRAHMA LIGHT, uma cerveja leve tipo Pilsen com baixo teor alcoólico

2003 –  Desenvolvimento, para ser instalado em corredores de shoppings, lojas e supermercados; e lançamento, em abril, do QUIOSQUE CHOPP BRAHMA, sendo a primeira empresa a investir em franquias de chope.

2004 – Lançamento da BRAHMA LIBER, cerveja sem álcool.
2004 – Lançamento da BRAHMA EXTRA em lata.

2005 – Lançamento da primeira loja BRAHMA CHOPP EXPRESS, uma espécie de showrrom (com muitos produtos da marca) permitindo que os consumidores apreciassem o chope, nas condições ideais, em domicílio, além de montagens de choperias para eventos e churrascos. Atualmente existem mais de 12 lojas.

2006 – Revolucionou o mercado com a introdução do BRAHMA BLACK, um chope escuro com características inéditas no país: um líquido muito mais cremoso e com um efeito visual surpreendente graças a um processo de produção especial que adiciona ao líquido, além de gás carbônico, nitrogênio. O resultado é um produto mais leve, muito mais cremoso, que, ao ser colocado no copo produz um efeito visual de cascata que surpreende os consumidores.

2007 – Lançamento dos carrinhos CHOPP BRAHMA (novo modelo de franquia para a venda de chope).

2007 – Lançamento da BRAHMA FRESH, cerveja mais leve, suave e refrescante que a tradicional.

2009 – Lançamento da garrafa de 300 ml retornável.

2009 – a Ambev anuncia um acordo de patrocínio com a FIFA (Federação Internacional de Futebol) para a Copa do Mundo de 2010. A marca BRAHMA foi a patrocinadora oficial do evento, ocupando o lugar antes cativo da americana Budweiser.

Ufa! É tanta história para contar que se for resumir em um post pequeno, seria impossível!

Mas vocês se lembram que eu falava no Twiiter que estava empatada 2 cervejas? Pois é… a meia noite de segunda feira foi encerrada as votações e as duas cervejas continuavam empatadas. Ai você me pergunta, ” mas se estão empatadas, porque só a Brahma apareceu hoje?”

Dois motivos: uma para não ficar um post gigantesco e segundo, porque a Brahma estava sempre ganhando, depois que a segunda cerveja foi chegando perto e empatou. Foi esse critério que tive que escolher para ver quem aparecia primeiro hoje.

Ah!!! Já ia esquecendo! A Brahma levou 10 votos.

Amanhã vocês ficam sabendo quantos votos as outras levaram!

Bom feriado!

 

2 Respostas to “Brahma, a número 1!”

  1. Família Guimaraes 20/12/2012 at 21:19 #

    Por favor, minha sobrinha está dizendo que o marido da explicadora dela pai das amigas dela de Jacarepagua conseguia beber mais 12 latas de cerveja sem ficar bebado e eu acredito. Se o mundo nao se se acabar chama o homem para dar entrevista no Jo Soares para contar o segredo. Depois pesquisa laboratorial para ver se não é fraude. Mas, tenho certeza absoluta. Eu já vi.

Trackbacks/Pingbacks

  1. Os números de 2010 « Bar, Bebida & Propaganda - 02/01/2011

    [...] Brahma, a número 1! novembro, 2010 [...]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: